8.1.09

O Monstro e a Lua

Tive um sonho.

Um monstro de cabelos brancos olhos como veneno engolia a Lua.
Mas ela não desaparecia.
Esqueci de dizer que era noite.
O verde da grama reluzia a luz da Lua.
E ela não desaparecia.
Talvez porque ela não tenha cumprido o seu propósito. Talvez ela ainda tenha muito o que fazer por aqui. Iluminar e nortear o caminho das pessoas durante a noite? Não sei, talvez outra coisa, quem vai saber?
Como se para chamar minha atenção, ela afastou o monstro com um sopro. E olhou pra mim.
E acabou...
Não sei como continua...

Um comentário:

  1. Vc tem uma nova leitora ;]
    Sonhos são difíceis demais de interpretar =P. Eu poderia dizer que a Lua é como vc... tem um monte de coisas tentando te engolir (no momento o vestibular, não?) mas vc não vai desaparecer, ainda não cumpriu seu propósito. Vai afastar o tal monstro com um sopro e vai iluminar e nortear o caminho de alguém que precise. Quem sabe?
    Bim, mas não vou dizer nada disso (apesar de já ter dito) pq provavelmente vai ter nada a ver com o que vc tinha em mente! =P
    Anyways, espero que seja assim msm pra vc ;]

    ResponderExcluir